Skip to main content
Indicadores de gestão para posto de combustível

Indicadores de gestão. Quais acompanhar em seu posto de combustível

Indicadores de gestão para posto de combustível. Para onde olhar, há postos de combustível. Não há nada mais competitivo do que a revenda de combustíveis, competição que só aumenta. Por isso, gestores devem tomar decisões assertivas baseadas em indicadores de gestão para posto de combustível.

Indicadores são métricas, ou seja, informações que contribuem para avaliação de resultados internos e externos. São os resultados de venda, gestão de pessoas, marketing, etc, que permitem a consciência se o investimento está dando retorno.

Esses dados contribuem para que você saiba como administrar bem um posto de combustível. Por isso, prossiga com a leitura e veja quais indicadores de gestão você deve pôr o olho!

Como administrar bem um posto de combustível: por que é importante buscar a alta performance?

“Os KPIs, ou Indicadores Chave de Desempenho, são métricas importantíssimas para a alta performance de um posto. Mais do que ter um bom faturamento, um gestor deve buscar o melhor faturamento.”

Para uma gestão de posto de gasolina realmente fazer um negócio crescer, ela deve ajustar detalhes que impedem seu crescimento. Como assim? Acontece que muitos gestores se acostumam com um bom rendimento.

Ao se acostumarem, não percebem que é possível melhorar ainda mais os processos e fazer o empreendimento decolar. É para esse aprimoramento que existem os indicadores de desempenho para posto de gasolina. Eles permitem:

  • Descobrir se o posto não está rendendo tanto assim;
  • Se há áreas e processos que necessitem de revisão e ajuste.

Ao analisar os indicadores de combustível, você identifica esses pontos e trabalha com melhores estratégias, reformulando o modelo de negócio. É preciso lembrar que a alta performance está mais do que ligada à saúde e viabilidade do empreendimento.

Só ter bons números em caixa ao final do mês não são um sinal claro de que seu posto está rendendo!

Quais são os principais indicadores de gestão para posto de combustível?

Como administrar bem um posto de combustível? Ficando de olho em métricas importantes para ele. A alta performance está relacionada a otimização de aspectos muitas vezes não observados num simples faturamento.

Confira agora quais são esses aspectos!

Ticket Médio

Começando por um dos indicadores de combustível mais comuns: o ticket médio. Se trata de um indicador relacionado à área de vendas – e por isso, é o mais simples de ser identificado.

Através dele, o gestor entende o valor médio das vendas e verifica se está de acordo com o valor de outros postos ou das metas. Sendo sucinto, o ticket médio é o faturamento bruto do período dividido pelo volume de vendas do período.

Ticket médio = faturamento bruto do período / volume total de vendas

Ex: seu posto garantiu R$ 150 mil no primeiro mês do ano, tendo registrado nesse mês 1.000 vendas. Logo, o ticket médio é R$ 150,00.

Retorno Sobre Investimento (ROI)

Outro indicador fácil de encontrar em postos de combustível é o ROI, do inglês Return of Investment. Ele é um dos indicadores de combustível que permite a análise do quanto de retorno os investimentos geram para uma empresa.

Ele é essencial para evitar gastos desnecessários e voltar os investimentos para onde há realmente lucratividade e crescimento para o posto. Isso vale para treinamento de funcionários, novos equipamentos, marketing – tudo entra nesse cálculo.

Retorno Sobre Investimento = (retorno obtido – investimento) / investimento

Ex: após investir R$ 15 mil no treinamento de uma de suas equipes, viu as vendas crescerem em R$ 25 mil. O seu ROI foi 0,66x maior, ou seja, acima de 50%.

Custo de Aquisição de Clientes (CAC)

Falando em investimento, há outro investimento que é feito em postos de combustível: o investimento no cliente. O CAC é um dos indicadores de gestão que indica o valor gasto para atrair novos clientes.

Através dele, é possível monitorar seus investimentos e os otimizar, assim como é feito pelo ROI. Para calcular, basta somar os investimentos em marketing e vendas e dividir pelo número de clientes adquiridos.

Custo de Aquisição de Cliente = Soma dos investimentos em marketing e vendas / nº de clientes obtidos

Contudo, para muitos profissionais do marketing, é mais barato você manter seus atuais clientes.

Net Promoter Score (NPS)

Para muitos, a melhor propaganda é o boca a boca – e é essa a ideia por trás do Net Promoter Score. Basicamente, o NPS se trata de perguntar ao cliente “qual seu nível de satisfação?” ou “quais são as chances de nos indicar a alguém?”.

Após obter esses dados, o gestor divide as avaliações em detratores/avaliações negativas e promotores/avaliações positivas. Ao final, há mais críticas ou elogios? Qual é a chance deles promoverem positivamente sua marca?

Net Promoter Score = % de promotores – % de detratores

Ex: dividir seus clientes em detratores (de 0 a 6), neutros (7 e 8) e promotores (de 9 a 10). Não existe um percentual ideal, por isso, busque criar vantagens que retenham seus consumidores.

Taxa de turnover

Um dos indicadores de combustível mais importantes é a taxa de turnover, que identifica o percentual de colaboradores que deixam a empresa. Analisando por período, isso pode revelar o quanto você gasta com treinamento.

Se o turnover é muito elevado, significa que a empresa perde dinheiro e tempo com:

  • Rescisões trabalhistas;
  • Aplicação de novos processos seletivos e treinamentos.

Além disso, afeta a sua marca empregadora e também diminui sua produtividade.

Taxa de turnover = nº total de desligamentos no período / total de funcionários no período x 100

O período mais indicado para o cálculo é de 1 ano, com o resultado mais recomendado variando em torno de 5%. Se o posto apresentar um valor muito alto, é momento para analisar as políticas de Recursos Humanos!

Índice de fidelidade

Por fim, há um indicador que acaba englobando uma boa parte dos outros nos postos de combustível: o índice de fidelidade. Ele representa o nível de relacionamento com o cliente – sendo muito ruim quando baixo:

  • Significa que a equipe não está bem;
  • Que o gerente não cobra resultados;
  • Que não ficou claro quão importante é esse índice.

“Manter um cliente custa 5 a 7 vezes menos do que conquistar um novo.” (Philip Kotler)

Um número importante para esse indicador é a quantidade de cadastros realizados em planos de fidelidade do seu posto. No entanto, esse número só funciona quando há também a quantidade de inativos.

Se o número de inativos é maior, significa que você possui problemas com clientes que se cadastraram e não retornaram. Contudo, pode ser pior: número baixo de inativos e índice pequeno de clientes cadastrados que retornaram!

Conclusão

Os indicadores de desempenho para posto de gasolina são úteis para você aprimorar o serviço em seu negócio. Contudo, como obtê-los de maneira mais ágil? Através de uma gestão automatizada dos serviços em um sistema ERP.

O PostoMoura é um sistema ERP que permite:

Dessa forma, você tem no POSTOMOURA uma ferramenta confiável para obter indicadores de gestão para posto de combustível. Peça agora uma demonstração GRATUITA!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *